Google+ Followers

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Epitáfio

Trarei, num dia vindouro,
Um poema bem fresquinho,
Rosas num buquê
Para entregar ao meu amor.

Não hei de escrever verso mesquinho
Mas rimas bem casadas
Métrica arrumada
Tudo bem contadinho

Não há de ter numa estrofe
Referência da racial discriminação
E nem de fome ou de sede
Nem do povo de santo
E nem mesmo um quê de revolução

Hei de trazer num papiro
Palavras nobres
E dizeres de um doutor
Nesse poema, assim escrito,
Há de um epitáfio estar contido
Versos de quem me enterrou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário