Google+ Followers

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Inglesa

Olho pra minha inglesa
(mas nunca tive uma inglesa)
E penso em negócios
Formalidades nos trajes
Cômicos barulhos nas calçadas
Em casa, panquecas.
Além do sotaque britânico
Um quê brasileiro, algo de ginga,
Balança no andar retilíneo
Um espigão anglo-brasileiro
Riso fácil, boca dura,
Pés e mãos quentes feito verão
Um pouco de mistério no falar

E eu, estúpido, sonhando ser dela...  

Nenhum comentário:

Postar um comentário